Romeu Zema garante salário só para Saúde e Segurança

Segundo secretário Mateus Simões, pagamentos para demais categorias e repasses a Poderes dependem de receita extra. SAIBA +

O Governo de Minas garante o pagamento no próximo dia 15 dos salários referentes a maio apenas para servidores da saúde e da segurança públicaNão há perspectiva para as demais categorias do Executivo, bem como para repasses aos outros Poderes. É o que foi destacado, nesta segunda-feira (1º/6/20), pelo secretário-geral da Governadoria do Estado Mateus Simões e motivou questionamentos de deputados em audiência pública da Comissão de Administração Pública da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG).

Consulte o resultado e assista ao vídeo completo da reunião.

De acordo com o secretário-geral, a pandemia de Covid-19 não só anulou o aumento de arrecadação do Estado nos três primeiros meses de 2020, mas também tem causado uma perda real de arrecadação. "Ficará R$ 3 bilhões abaixo do previsto na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) aprovada no ano passado", afirmou.

Mateus Simões enfatizou que há uma sequência de prioridades estabelecidas pelo governador nesse contexto: recursos para enfrentar o novo coronavírus, em primeiro lugar; pagamento de servidores da saúde e da segurança, pois estão na linha de frente do combate à pandemia; e, depois, pagamento dos outros servidores do Executivo e repasses constitucionais a outros Poderes.


Imprimir  

Tudo o que aconteceu hoje, diretamente no seu e-mail

Receba nossas noticias em seu e-mail: