fbpx

Vereador Nilton César acha justo a recomposição salarial dos servidores

Ele garantiu que com relação a Câmara Municipal, que é um Poder Independente e ele como Chefe do Legislativo tem o obrigação de fazer movimento legal para dar o reajuste para os funcionalismo da Casa e não vai se furtar a essa responsabilidade

O presidente Professor Nilton César de Almeida (Avante) também se posicionou a respeito dos dois projetos de recomposição salarial anual dos servidores públicos do Legislativo e do Executivo que devem entrar na pauta de votação nas primeiras sessões em fevereiro. Ele garantiu que com relação a Câmara Municipal, que é um Poder Independente e ele como Chefe do Legislativo tem o obrigação de fazer movimento legal para dar o reajuste para os funcionalismo da Casa e não vai se furtar a essa responsabilidade.


“Já estamos observando a questão orçamentária, administrativa, jurídica para conceder a recomposição anual do servidor da Câmara Municipal que é um direito igual a todos os trabalhadores, dentro da legalidade, da transparência que tem direito o servidor. O Legislativo está numa situação financeira equilibrada que começou com o vereador Odair Ferreira, lá em 2017 com o pagamento de todos os atrasados em relação a inflação. E isto vem sendo mantido ao longo dos anos desses anos. O servidor precisa ter essa recomposição. Ela é praticamente certa e depois eu posso ser penalizado se o não fizer”.


Sobre o funcionamento público municipal, o presidente do Legislativo disse que já está acompanhado a situação desde o ano passado e destacou o excelente relacionamento pessoal com a diretoria do Sindicato. “Em relação ao Executivo, que são poderes independentes, o Poder Legislativo não tem participação. Nós temos ótimo relacionamento com o Sindicato. Eu posso auxiliar na condução desse trabalho, nas conversas com o Executivo. O Sindicato vem fazendo o seu papel, nas conversas com o Executivo. É o Executivo que envia o projeto, ele tem poder de ação. É o Executivo que cria o projeto junto com os servidores e envia a essa Casa. Assim que o projeto for protocolado na Casa, vamos acionar a Procuradoria, as Comissões, o Legislativo, para poder dar tranquilidade fazer a recomposição dos servidores e trabalhar rapidamente junto aos servidores para dar a recomposição.


Imprimir  

Tudo o que aconteceu hoje, diretamente no seu e-mail

Receba nossas noticias em seu e-mail:

 

 







entre em contato pelo whatsapp