21
21/09/2019

Publicidade

"A escola é um local de debate, mas não é de ideologização política", diz deputado eleito

O Coronel do Exército Carlos Henrique Coelho de Campos, eleito com 27.867 votos pelo Partido Social Liberal (PSL), tem 50 anos e serviu por 23 anos na Academia Militar das Agulhas Negras, no Rio de Janeiro, onde foi professor. É divorciado, pai de um filho e defende a expansão de colégios militares.

Coronel Henrique 22 01 2019Para o coronel, o grande desafio do mandato como deputado estado é manter uma fiscalização rigorosa e ao mesmo tempo amigável com o executivo. Ainda na ativa quando se candidatou, ele explica porque resolveu disputar uma cadeira no legislativo. "Eu sou o único Coronel do Exército da ativa eleito na história da Assembleia de Minas Gerais, portanto, eu sou o primeiro representante das forças armadas dentro da Assembleia", diz.

Suas principais bandeiras são educação e esporte. "São os pilares da formação da nossa juventude dentro das forças armadas", defende. É a favor do Projeto Escola Sem Partido, defende as privatizações desde que sejam feitas com cuidado, especialmente no caso da CEMIG, e quanto à Reforma da Previdência acredita que todos devem estar preparados para ceder algo, mas defende que a questão dos militares seja avaliada de forma diferenciada, uma vez que a segurança pública tem peculiaridades.

Escola Sem Partido

Para o Coronel do Exército Carlos Henrique Coelho de Campos, o melhor ponto é o equilíbrio. "A escola é um local de debate, mas não é um local de ideologização política".

Privatização

O deputado eleito afirma que existe não só o viés econômico, mas um viés estratégico, de segurança e de consideração por parte do governante. "Em algumas áreas têm que ser bem elucidado".

Previdência

O Coronel do Exército Carlos Henrique Coelho de Campos, lembra que o estado vive uma crise econômica importante e que isso deve interferir na Reforma da Previdência: "Todos devem estar preparados para ceder algo".

Informações: Itatiaia.


REDAÇÃO DO BARBACENAMAIS - Whatsapp (32)9 8862-1874 - Email: [email protected]







O Portal de Noticias BarbacenaMais não se responsabiliza pela opinião dos leitores expressas aqui através de seus perfis no Facebook.