UEMG-Barbacena atua no terreno da instituição no projeto de restauração florestal

Mais uma vez o fogo atingiu o terreno da Universidade do Estado de Minas Gerais, unidade Barbacena, na noite do dia 28 de setembro, mas o trabalho não parou, e os aceiros feitos na área ajudou a minimizar o prejuízo ambiental. 

Mais uma vez o fogo atingiu o terreno da Universidade do Estado de Minas Gerais, unidade Barbacena, na noite do dia 28 de setembro, mas o trabalho não parou, e os aceiros feitos na área ajudou a minimizar o prejuízo ambiental. Como uma das medidas de combate a esses frequentes incêndios que têm acontecido naquela região, próxima à Sericícola, a UEMG-Barbacena está realizando, desde o dia 14 de setembro, serviços de capina, roçados, aceiros e limpeza da área, além dos serviços de coroamento, abertura de covas para plantio e  adubagem para proteção de mudas de árvores plantadas em setembro de 2019, gerando condições para o plantio de novas mudas e outras ações para a proteção do meio ambiente.  

Segundo Ricardo Ayres, serão duas fases de trabalho. A primeira consiste em roçar, coroar as mudas que sobreviveram e abrir covas para novos plantios. A segunda é a fase de adubação e plantio. “Roçar e coroar são ações que devem ser feitas de imediato, pois estamos em tempo de seca. A parte de adubagem e plantio é ideal que aconteça na segunda quinzena de outubro por causa as chuvas”, destaca, ressaltando a necessidade de combater a braquiária, que pega foco fácil e que sufoca as mudas, e os cuidados iniciais que uma recuperação e restauração florestal precisa 

A diretora Rita de Cássia Oliveira esclareceu que desde o início do ano a UEMG já trabalhava em um plano de trabalho para manutenção e novos plantios, que seriam para o primeiro semestre letivo, mas o projeto foi interrompido pela pandemia. Portanto, a contratação da empresa, solicitada pela UEMG Barbacena e apoiada pela reitoria da UEMG, foi uma opção que cumprirá um papel paralelo aos projetos de extensão da Unidade, pois o terreno da UEMG precisa desse cuidado especializado para que outras ações se realizem.  

Esse trabalho de preparação do terreno permitirá o desenvolvimento das ações do projeto Aqui Tem Cuidado, da UEMG BarbacenaRita Oliveira destaca que o projeto foi criado no início de 2020 e, mesmo diante das dificuldades advindas da pandemia, tem contribuído para o desenvolvimento de ações e esforços no sentido de cuidar daquele território, em muitas frentes de trabalho. Rondas diárias, reuniões frequentes entre a direção e servidores da reitoria, reuniões entre direção da UEMG Barbacena e professores, marcaram a agenda da direção, professores e técnicos administrativos que têm se empenhado em cuidar do terreno e impedir ações que provoquem a destruição da área.  


Imprimir  

Tudo o que aconteceu hoje, diretamente no seu e-mail

Receba nossas noticias em seu e-mail: