fbpx

Afya, de Nicolau Esteves, anuncia a entrada do SoftBank Latin America Fund com investimento de US﹩ 150 milhões

Chegada do SoftBank reforça a estratégia da Afya em serviços digitais e produtos voltados para os médicos
 
A Afya Educacional, maior grupo de educação médica do Brasil, criado pelo casal Nicolau e Rosângela Esteves, anunciou a celebração de uma transação para realização de investimento no grupo de R﹩ 822 milhões, o equivalente a US﹩ 150 milhões, a ser feito pelo SoftBank Latin America Fund, mediante cumprimento de determinadas condições precedentes e habituais para a conclusão do negócio. A entrada do investidor na empresa vai acontecer por meio de ações preferenciais perpétuas conversíveis série A, conforme estabelecido nos instrumentos contratuais.

Além do aporte na Companhia, a Crescera Educacional II Fundo de Investimento em Participações Multiestratégia e a Família Esteves, fundadora da Afya, irão vender ao SoftBank Latin America Fund o total de 2,270,208 ações Classe A. Após ambas as transações e considerando a conversão das ações perpétuas em ações preferenciais, o Softbank passa a deter 8,4% das ações da Companhia. Como parte do acordo, Paulo Passoni, managing partner do SoftBank Latin America Fund, será nomeado membro do Conselho de Administração da Afya em até 30 dias a contar desta data.

Com este aporte, a Afya pretende investir em aquisições, produtos e tecnologias. "Desde o nosso IPO, estamos comprometidos em estar mais próximos do médico, atuando como parceiro em toda a sua carreira. Esse investimento do SoftBank, junto à sua expertise com o ecossistema de healthtechs, permitirá que a Afya ofereça produtos e serviços digitais que atendam às necessidades da classe médica, fortalecendo ainda mais a vocação do nosso grupo e acelerando significativamente nosso crescimento", afirma Virgílio Gibbon, CEO da Afya.

O SoftBank Latin America Fund já é parceiro da Afya desde a aquisição da iClinic, healthtech criada em 2012 para levar mais tecnologia ao médico dentro do consultório, por meio de prontuário eletrônico, agendamento online de consultas e telemedicina. Agora, com o aporte de US﹩ 150 milhões, a parceria entre as empresas será fortalecida, bem como a convergência de interesses para criação de um hub de produtos e serviços digitais tendo o médico no centro da tomada de decisão.

"A educação médica e os serviços digitais em saúde estão passando por um crescimento sem precedentes no Brasil. Ficamos impressionados com a estratégia de atuação da Afya neste setor e partilhamos da mesma visão de auxiliar o médico na transformação digital de sua carreira, com um ecossistema de serviços que o ajudará a focar em sua prática médica", explica Paulo Passoni, do SoftBank Latin America Fund.

A Afya em números

Graduação

• Presença em 20 cidades e 11 estados

• 21 instituições de ensino, sendo 18 com curso de Medicina

• 5 novas faculdades de Medicina, do Programa Mais Médicos, a serem implantadas: Pará (3) e Amazonas (2)

• 11.050 alunos de graduação em Medicina

Cursos preparatórios para residência médica e educação continuada:

• 13.039 alunos

Especializações:

• Presença em 11 capitais

• 4.181 em especializações na área médica e em outras capacitações

SOBRE A AFYA EDUCACIONAL

A Afya é o maior grupo de faculdades de Medicina do Brasil em número de vagas (2.143) autorizadas pelo Ministério da Educação (MEC). A empresa nasceu em 2019 da incorporação de outras marcas do segmento de educação médica com o objetivo de ser a grande parceira destes profissionais em toda a sua jornada de formação. A primeira faculdade de medicina do grupo começou a operar há 20 anos, em 1999, no Tocantins, no Norte do país.

Por meio de suas unidades de ensino, a Afya atua desde a graduação - são diversos cursos com foco na área da saúde, com destaque para a Medicina -, passando pelos cursos para provas de residência e outros títulos até especializações médicas.

O grupo aposta em uma abordagem metodológica inovadora, que combina conteúdo integrado, aprendizado interativo e uma experiência adaptativa para alunos de Medicina ao longo de sua formação profissional. Por meio de uma plataforma digital, a Afya oferece aos seus alunos acesso a materiais didáticos, incluindo tutoriais em vídeo, podcasts, materiais de leitura e questões práticas.

Em 2020, a Afya entrou no mercado de serviços digitais de suporte à rotina médica. As healthtechs PEBMED, Medphone, iClinic, Medicinae, Medical Harbour e Cliquefarma se somaram ao grupo na Vice-Presidência de Inovação e Serviços Digitais.

Primeira empresa de educação médica do mundo a abrir capital na Nasdaq, em julho de 2019, a Afya escolheu a bolsa americana pelo alinhamento daquele mercado e das outras empresas lá listadas com o trinômio educação & saúde & tecnologia.

Mais informações em http://www.afya.com.br/ e http://ir.afya.com.br/

Imprimir  

Tudo o que aconteceu hoje, diretamente no seu e-mail

Receba nossas noticias em seu e-mail:

 







 

entre em contato pelo whatsapp