Nicolau Esteves chega ao topo do mundo dos negócios com a AFYA. E é só o começo.

Nicolau Carvalho Esteves vai abrir o capital de sua empresa, a AFYA - o maior grupo de educação médica do Brasil, na NASDAQ, em Nova Iorque. Saiba mais...

Nesta sexta-feira (19), quando começar o pregão da NASDAQ - o segundo maior mercado de ações em capitalização de mercado do mundo, depois da Bolsa de Nova York -, um empresário que começou sua carreira em Barbacena como médico, estará batendo o martelo dando início às negociações do dia. Trata-se do empresário e médico Nicolau Carvalho Esteves, CEO da AFYA, o maior grupo de educação médica do Brasil.

A Afya está a dois dias de abrir seu capital na segunda maior bolsa de valores mundial - a NASDAQ. A demanda já seria de três vezes o tamanho da oferta, segundo dois investidores estudando a transação. A Afya — que significa ‘saúde’ em suahíli — está vendendo 13,9 milhões de ações (incluindo o lote suplementar) numa faixa de U$ 16 a US$ 18 por ação. No meio da faixa, a oferta vai levantar US$ 236 milhões e avaliar a empresa em US$ 1,5 bilhão. (Há também uma pequena oferta secundária de 1,9 milhões de ações.)

O negócio de educação médica é o filé mignon do setor — evasão baixa, inadimplência magra, e os tíquetes mais altos — e a Afya construiu um modelo de negócios que monetiza cada passo dos futuros médicos do Brasil.

A companhia se divide essencialmente em três negócios. O primeiro, a NRE Educacional, é dono de uma série de faculdades de medicina e responde por cerca de 80% da receita total da empresa. A ideia é continuar comprando mais faculdades e extrair sinergias operacionais e administrativas.

Depois que o aluno de medicina se forma, começa a batalha sangrenta pela residência, e a Afya também tem um produto para oferecer. No ano passado, a companhia comprou o MedCel, um curso preparatório para residência médica 100% online. 

O terceiro negócio da Afya — cursos de especialização — só começou a fazer parte da companhia dois meses atrás, quando a Afya comprou a Faculdade de Ciências Médicas do IPEMED, líder em cursos de pós-graduação médica com mais de 2.100 alunos em sete campi. O IPEMED tem parcerias internacionais para programas de observação e estágio com a Harvard Medical School e a Universidade de Miami.

Enquanto o faturamento cresceu 55% entre 2017 e 2018, o lucro da Afya dobrou de R$ 48 milhões para R$ 95 milhões. A faixa de preço da oferta implica um múltiplo de 21,5 a 24 vezes o lucro estimado para este ano, e 15,7 a 17,4 vezes o lucro de 2020. Para efeito de comparação, a Arco Educação negocia a 40 vezes o lucro estimado para 2020 — mas seu negócio tem um componente tecnológico maior que o da Afya.

Bank of America-Merrill Lynch, Goldman Sachs e UBS estão coordenando a oferta. O sindicato conta ainda com Morgan Stanley, Itaú BBA, BTG Pactual e XP Investimentos.

A HISTÓRIA DE NICOLAU ESTEVES E DA AFYA

A NRE Educacional foi fundada pelo casal de médicos Nicolau e Rosangela Esteves. Professores da Faculdade de Medicina de Barbacena (MG) e atendendo na Santa Casa de Misericórdia da cidade no início da década de 1990, o casal Esteves assistia à difícil rotina dos moradores mais carentes da região em busca de atendimento médico. “Muitas crianças nunca tinham ido a uma consulta médica na vida”, lembra Nicolau. “Ali já ganhava força o nosso sonho de formar profissionais de medicina para atuarem em cidades menores, atendendo estas populações e mudando a realidade delas.” 

Em 1999 surgiu a oportunidade de levar esse projeto também para o norte do país, no estado de Tocantins, mais especificamente no Instituto Tocantinense Presidente Antônio Carlos (Itpac), em Araguaína. Depois vieram outras faculdades de Medicina em Ipatinga e São João del-Rei (MG), Porto Nacional (TO) e Parnaíba (PI). “Nestas cidades vimos claramente a mudança na qualidade do atendimento à população: muitos médicos se formavam nas nossas escolas e permaneciam nestas regiões. O nosso sonho tinha se transformado verdadeiramente em realidade”, explica Nicolau. Em 2016, os fundadores viram uma oportunidade de ir ainda mais longe. A aproximação com a Crescera Investimentos abriu novas frentes de investimento, que culminaram com a aquisição da Medcel, marca de cursos preparatórios para provas de residência médica, e de outras faculdades. O Fundo também trouxe uma gestão mais profissionalizada à empresa. 

Até dar origem à Afya, o Grupo NRE Educacional atuava nos estados de Minas Gerais, Tocantins, Paraná e Piauí por meio de nove unidades de ensino, sendo três delas reconhecidas como Centros Universitários pelo Ministério da Educação (MEC). São elas: FMIT, de Itajubá (MG); Univaço, de Ipatinga (MG); Centro Universitário Uniptan, de São João del-Rei (MG); Centro Universitário Unitpac, de Araguaína (TO); Itpac, de Porto Nacional (TO); Itpac, de Palmas (TO); IESVAP, de Parnaíba (PI); Centro Universitário UNINOVAFAPI, de Teresina (PI); e FADEP, de Pato Branco (PR). 

Em abril de 2019, a Afya Educacional adquiriu a Fasa (Faculdades Santo Agostinho), instituição de ensino com quatro unidades – Montes Claros e Sete Lagoas (MG) e Itabuna e Vitória da Conquista (BA) –, 14 cursos, 5 mil alunos, sendo 600 de Medicina, e 386 professores. A chegada da FASA reforçou a liderança da empresa em cursos de Medicina – passando de 917 para 1102 vagas autorizadas pelo MEC –, além de ampliar sua presença nacional, com a chegada ao estado da Bahia. O grupo ampliou fortemente sua presença no segmento de pós-graduação médica com a compra, em maio de 2019, da Faculdade IPEMED de Ciências Médicas. Com uma oferta de 13 pós-graduações e uma graduação (Radiologia), a Faculdade IPEMED de Ciências Médicas tem unidades em cinco capitais: Rio de Janeiro, São Paulo, Belo Horizonte, Salvador e Brasília. A instituição conta com 1.800 alunos presenciais e 230 professores. 

Para o fundador da NRE e hoje presidente do Conselho de Administração da Afya Educacional, o sonho de 20 anos atrás segue vivo: “Hoje estamos presentes também em cidades um pouco maiores, mas o objetivo permanece o de trabalhar no interior, onde temos um papel social muito relevante, que é o de levar o médico para rincões do nosso país, onde há dificuldade de acesso aos sistemas de saúde. A qualidade do ensino que oferecemos e o cuidado com as pessoas seguem sendo nossos grandes compromissos. Eu repito isso há 20 anos: ́as pessoas são a nossa maior força ́”, finaliza Nicolau Esteves.

CONHEÇA A AFYA ATRAVÉS DO NÚMEROS

A AFYA é o maior grupo de faculdades de medicina do país. A operação presencial da Afya está em 18 cidades e em 5 estados: Minas Gerais, Piauí, Paraná, Tocantins e Bahia por meio de 13 unidades, sendo 10 faculdades e 3 Centros Universitários. Para os cursos preparatórios para prova de Residência Médica, Títulos e Especializações, a oferta é nacional por meio da plataforma online da Medcel.

25 mil

Alunos de graduação

9 mil

Alunos do preparatório para Residência Médica

2 mil

Alunos de pós-graduação

4 mil

Professores e colaboradores

30

Cursos de graduação

7

Cursos para Residência Médica, títulos e Especializações

13

Cursos de pós-graduação

1.102

Vagas para o curso de Medicina (p/período)

A Afya está presente na formação médica em todos os níveis: graduação, pós-graduação lato sensu e stricto sensu,

bem como em cursos preparatórios para processos de seleção de programas de residências médicas

e para obtenção de títulos de especialidades. 

1.7mil

Professores de Graduação

26

Professores do Curso Preparatório

230

Professores de Pós-Graduaçaão


Com informações de Geraldo Samour/BarbacenaMais/AFYA

 

 


REDAÇÃO DO BARBACENAMAIS - Whatsapp (32)9 8862-1874 - Email: redacao@barbacenamais.com.br


Imprimir  

Tudo o que aconteceu hoje, diretamente no seu e-mail

Receba nossas noticias em seu e-mail:

 






Você vai gostar também



O Portal de Noticias BarbacenaMais não se responsabiliza pela opinião dos leitores expressas aqui através de seus perfis no Facebook.

Este trecho é parte de conteúdo que pode ser compartilhado utilizando o link http://www.barbacenamais.com.br ou as ferramentas oferecidas na página.
Textos, fotos, artes e vídeos do BarbacenaMais estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo do portal em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização do BarbacenaMais (Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.). Essas regras têm como objetivo proteger o investimento que o BarbacenaMais faz na qualidade de seu trabalho.