Rádio Tropical emite nota de repúdio

Emissora da voz ao cidadão em prol de seus direitos.

É com muito pesar que nós barbacenenses, principalmente aqueles que dependem dia após dia do atendimento médico SUS (Sistema Único de Saúde) através do Hospital Maternidade Policlínica (IMAIP), que durante a pandemia se fez mãe para toda a região, acolhendo enfermos e vitimados da pandemia. Com seus leitos de UTI salvou vidas e agora após a baixa de infecção da COVID-19 vemos o "descaso" do poder público para com esta instituição tão sagrada. "Oh IMAIP tu salvastes vidas"! Fica evidente nossa indignação com essas decisões tomadas sem anúncio prévio e sem consulta à população geral, uma vez que, segundo a Constituição, o poder emana do povo, em seu artigo 1 parágrafo único. Fica aqui, mais uma vez, nossa nota de repúdio a ao mesmo tempo colocamos a disposição do poder público junto à Prefeitura Municipal de Barbacena para contribuir para o bem de todos, pois quando torcemos contra a cidade, estamos torcendo contra nós mesmos.

Artigo 196. A saúde é direito de todos e dever do Estado, garantido mediante políticas sociais e econômicas que visem à redução do risco de doença e de outros agravos e ao acesso universal e igualitário às ações e serviços para sua promoção, proteção e recuperação.

Bispo Guilherme Reginaldo da Silva
Diretor da Rádio Tropical


Imprimir  

Tudo o que aconteceu hoje, diretamente no seu e-mail

Receba nossas noticias em seu e-mail:

 

 







entre em contato pelo whatsapp