Seleção: os cinco maiores artilheiros de todos os tempos do Brasil

Parece que sempre há um jovem craque pronto para o desafio toda vez que um da velha guarda veste a famosa camiseta amarela pela última vez

O Brasil sempre teve jogadores de qualidade em sua seleção. Parece que sempre há um jovem craque pronto para o desafio toda vez que um da velha guarda veste a famosa camiseta amarela pela última vez. É um dos principais motivos pelos quais a Seleção está sempre presente nos palpites de futebol das pessoas quando acontecem grandes torneios.

É por isso que não é surpresa que a lista de artilheiros de todos os tempos do Brasil esteja repleta de vários dos melhores jogadores da história. Por isso, vamos dar uma olhada nos cinco jogadores que mais marcaram gols pela Seleção.

Pelé – 77 gols

É justo dizer que Pelé é o rei da Seleção e, sem dúvida, ele colocou o Brasil no mapa. Aos 17 anos, o atacante teve grande influência na primeira conquista do Brasil na Copa do Mundo, marcando três gols sendo dois gols na semifinal e um na final, respectivamente. Ele venceu três Copas do Mundo no total com o Brasil, marcando 77 gols em 92 partidas.

Neymar – 64 gols

O peso da Seleção está nas costas de Neymar há anos e, embora ele ainda não tenha uma Copa do Mundo, muitas vezes ele marca seus gols. Uma recente goleada sobre o Peru fez com que a estrela do Paris Saint-Germain subisse para o segundo lugar na lista de artilheiros com 64 gols em 103 partidas, e com muito tempo restante pela frente, temos certeza que ele diminuirá a lacuna com Pelé ainda mais.

Ronaldo – 62 gols

As lesões que afetaram Ronaldo foram uma grande pena. O atacante ergueu a Copa do Mundo de 1994, ainda adolescente e, embora não tenha atuado pelo país naquela ocasião, sua carreira decolou a partir daí. Chegada a próxima Copa do Mundo, Ronaldo já havia marcado 200 gols em sua carreira. No entanto, embora não tenha conseguido levar a Seleção à glória em 1998, ele desempenhou um papel fundamental na conquista de 2002. Ronaldo pendurou as chuteiras com 62 gols em 98 jogos pelo Brasil e foi o artilheiro da Copa do Mundo até que Miroslav Klose bateu o recorde.

Romário – 55 gols

Já há alguns grandes nomes nesta lista, mas pode-se dizer que o atacante mais efetivo de todos foi Romário. Ele pode ter vivido um estilo de vida festeiro durante sua carreira, mas isso certamente não o afetou em campo. O atacante ajudou a levar o Brasil à glória na Copa do Mundo em 1994 com 10 gols em 10 jogos naquele ano e, em 1997, levou a Seleção a conquista de uma Copa das Confederações e a dobradinha da Copa América com incríveis 17 gols em apenas 10 jogos. No total, ele marcou 55 gols em 70 jogos pelo seu país.

Zico – 48 gols

Há quem diga que Zico é o maior jogador brasileiro que nunca pôs as mãos no icônico troféu Jules Rimet. Apesar de ser um meio-campista proeminente, os gols definitivamente faziam do repertório de Zico. Na Copa do Mundo de 1982, ele marcou quatro gols em cinco jogos, na qual o Brasil foi eliminado nas quartas-de-final. Ele terminou sua carreira com respeitáveis 48 gols em 71 jogos pelo seu país.

 


Imprimir  

Tudo o que aconteceu hoje, diretamente no seu e-mail

Receba nossas noticias em seu e-mail: