Em 2016, marca foi atingida só no início de outubro.

O país atingiu nesta quinta a marca de R$ 1,5 trilhão em pagamento de impostos, segundo o Impostômetro da Associação Comercial de São Paulo (ACSP), baseado em dados do Instituto Brasileiro de Planejamento e Tributação (IBPT). O recorde foi atingido quase um mês antes que em 2016, quando o montante foi registrado em 6 de outubro. O valor equivale a todo o dinheiro que os brasileiros pagaram aos cofres da União, dos Estados e dos municípios em tributos desde 1º de janeiro.

Em 2016, o Impostômetro registrou R$ 1,5 trilhão em 6 de outubro. Este ano, em 14 de setembro. Isso revela uma crescente arrecadação tributária. Teoricamente, pelo volume arrecadado ano a ano, a sociedade deveria ter retorno com serviços públicos de qualidade, mas, infelizmente, não é isso o que acontece.” afirmou o presidente-executivo do IBPT, João Eloi Olenike.

Segundo o instituto, a carga tributária subiu dos 25% do PIB na década de 1990 para cerca de 35% do PIB em 2016.

Tudo o que aconteceu hoje, diretamente no seu e-mail

Receba nossas noticias em seu e-mail: