07
07/12/2019

Publicidade

Calçadas colocam pedestres em risco no Centro

A sinalização tátil segue gerando polêmica e acidentes com pedestres que são surpreendidos pelas falhas apresentadas nas obras do projeto de Mobilidade Urbana. Leia mais...

BOCA NO TROMBONE

 

Calçadas colocam pedestres em risco no Centro

Piso Tatil

Instaladas em diversas calçadas com o objetivo de facilitar a circulação de deficientes visuais na região central da cidade, a sinalização tátil segue gerando polêmica e acidentes com pedestres que são surpreendidos pelas falhas apresentadas nas obras do projeto de Mobilidade Urbana que foi implementado pela Prefeitura de Barbacena.

Na quinta-feira, dia 30 de junho, por volta das 15h30 o piso tátil fez mais uma vítima. Na Avenida Bias Fortes nas proximidades do número 257, uma senhora de 61 anos sofreu uma queda após tropeçar em um trecho danificado da obra que ainda nem foi inaugurada e já se encontra deteriorada.

 

A vítima foi socorrida e encaminhada para o Hospital Regional, onde se encontra internada, aguardando cirurgia no Fêmur para a colocação de platina. Consternada a vítima disse que, “espero a realização de reparos nas calçadas que representam uma grande ameaça para a integridade física de toda a população”.


 

Agência Expresso

Foto: PMB

Este trecho é parte de conteúdo que pode ser compartilhado utilizando o link http://www.barbacenamais.com.br ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos do BarbacenaMais estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo do portal em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização do BarbacenaMais (Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.). Essas regras têm como objetivo proteger o investimento que o BarbacenaMais faz na qualidade de seu trabalho

CEB Logo


REDAÇÃO DO BARBACENAMAIS - Whatsapp (32)9 8862-1874 - Email: redacao@barbacenamais.com.br







O Portal de Noticias BarbacenaMais não se responsabiliza pela opinião dos leitores expressas aqui através de seus perfis no Facebook.