05
05/06/2020

Publicidade

Ministério Público vai acompanhar inquérito de agressão contra equipe de jornalismo da TV Integração em Barbacena

O agressor, que foi liberado após pagar fiança, é empresário dono de uma empresa do ramo alimentício na cidade. Ele agrediu o cinegrafista na quarta-feira (20), durante filmagem de uma reportagem. SAIBA +

Agressao 2O Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) divulgou nesta quinta-feira (21), que acompanha o inquérito policial que apura a agressão sofrida pela equipe de jornalismo da TV Integração em Barbacena. A agressão ocorreu na quarta-feira (20), quando a equipe estava na Rua Santos Dumont, no Bairro São José, gravando imagens da cidade. Na data, o empresário Leonardo Rivelli parou o carro e começou a agredir verbalmente os jornalistas.

Em seguida, ele avançou sobre o repórter cinematográfico, Robson Panzera Vaz Oliveira, tomou o equipamento de gravação e reagiu à tentativa do jornalista de recuperar o material. O cinegrafista teve uma lesão no dedo, um corte na mão e o equipamento de filmagem foi danificado. O procurador-geral de Justiça de Minas Gerais, Antônio Sérgio Tonet, designou os promotores de Justiça, Carlos Wilde Ribeiro de Melo, Lenira de Castro Luiz, Vandel Victorino de Rezende e Carlos Eduardo Fernandes Neves Ribeiro para acompanharem o inquérito instaurado pela Polícia Civil.

O G1 entrou em contato com o Ministério Público para saber mais informações do papel dos procuradores na investigação. Em nota, o órgão informou que o grupo de promotores designados para acompanhar o caso iria se reunir para avaliar o caso e que assim que houvesse definição das providências a serem tomadas pelo MPMG, estas serão passadas. O agressor foi preso e encaminhado para a delegacia para prestar depoimentos. A Polícia Civil informou que o empresário pagou fiança de R$ 1 mil e foi liberado. Ele responderá pelos crimes de lesão corporal e dano qualificado.


REDAÇÃO DO BARBACENAMAIS - Whatsapp (32)9 8862-1874 - Email: redacao@barbacenamais.com.br






O Portal de Noticias BarbacenaMais não se responsabiliza pela opinião dos leitores expressas aqui através de seus perfis no Facebook.

Este trecho é parte de conteúdo que pode ser compartilhado utilizando o link http://www.barbacenamais.com.br ou as ferramentas oferecidas na página.
Textos, fotos, artes e vídeos do BarbacenaMais estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo do portal em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização do BarbacenaMais (relacionamento@barbacenamais.com.br). Essas regras têm como objetivo proteger o investimento que o BarbacenaMais faz na qualidade de seu trabalho.