Segurança | Presos reformam unidade prisional de Conselheiro Lafaiete

A modernização vai oferecer melhores condições de cumprimento da pena e mais segurança aos servidores. Saiba mais...

Uma unidade prisional com mais de dez anos de funcionamento, em um prédio onde funcionava uma cadeia, mas com aparência e infraestrutura de recém-inaugurada. Este é o Presídio de Conselheiro Lafaiete, na região Central do estado, que acabou de finalizar a primeira fase de uma série de reformas de modernização. As obras foram realizadas com verbas pecuniárias, graças a uma parceria com o Tribunal de Justiça, e liberadas por meio das comarcas de Conselheiro Lafaiete e Piranga.

Os principais objetivos das obras consistem em atender aos critérios da Lei de Execução Penal (LEP); dar melhores condições de cumprimento da pena, com atividades que ajudam a promover a ressocialização; oferecer boas condições de trabalho, segurança e conforto aos agentes penitenciários e servidores das áreas de atendimento e administrativa.

A direção geral do Presídio de Conselheiro Lafaiete, por meio de edital, obteve na Comarca de Conselheiro Lafaiete R$ 17 mil, enquanto na Comarca de Piranga, situada na Zona da Mata, foram R$ 13 mil. Ambas estão sob a responsabilidade, respectivamente, do Conselho de Segurança Pública e do Conselho da Comunidade da Execução Penal, que cuidaram da aquisição de material e equipamentos. O Presídio de Conselheiro Lafaiete recebe presos, além das cidades de Lafaiete e Piranga, também de Ouro Branco e Carandaí. Houve o aproveitamento da experiência profissional de 15 detentos, nas atividades de alvenaria, pintura, hidráulica e elétrica.

Para o diretor-geral da unidade prisional, Willian Carlo Souza e Silva, as parcerias com o Judiciário e outras instituições são fundamentais para o funcionamento do sistema prisional, especialmente em relação à segurança e ressocialização. “Essas melhorias representam mais segurança para a comunidade, pois o presídio está localizado na área central da cidade”, ressalta o diretor-geral.

As obras da primeira fase tiveram início em abril e foram concluídas em junho.  Dentre as melhorias, merecem destaque a remodelação do refeitório; o novo telhado do setor administrativo; o novo sistema de iluminação das celas, galerias, escadas e área externa; reforma das celas; e instalação da sala de monitoramento e do circuito fechado de TV (CFTV), dotado de 16 câmeras.

 

Etapas

A segunda fase das obras será executada ainda com recursos do Tribunal de Justiça e consistem na pintura das áreas externa e administrativa e do pátio, bem como a troca do piso da entrada do presídio.

Em seguida, por meio de verba parlamentar, já em fase de compra de material, a direção da unidade construirá um almoxarifado, garagem e providenciará maior segurança para o presídio, com o fechamento de todo o terreno que vai da portaria até a rua.


REDAÇÃO DO BARBACENAMAIS - Whatsapp (32)9 8862-1874 - Email: redacao@barbacenamais.com.br


Imprimir  

Tudo o que aconteceu hoje, diretamente no seu e-mail

Receba nossas noticias em seu e-mail:

 






Você vai gostar também



O Portal de Noticias BarbacenaMais não se responsabiliza pela opinião dos leitores expressas aqui através de seus perfis no Facebook.

Este trecho é parte de conteúdo que pode ser compartilhado utilizando o link http://www.barbacenamais.com.br ou as ferramentas oferecidas na página.
Textos, fotos, artes e vídeos do BarbacenaMais estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo do portal em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização do BarbacenaMais (Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.). Essas regras têm como objetivo proteger o investimento que o BarbacenaMais faz na qualidade de seu trabalho.