18
18/10/2019

Publicidade

Romeu Zema entrega Medalha da Inconfidência e defende pacto entre os Poderes em prol de Minas Gerais

O governador fez uma homenagem aos “heróis mineiros do Corpo de Bombeiros Militar, da Defesa Civil, da Polícia Militar e da Polícia Civil que doaram suas vidas para salvar outras”. Saiba mais...

001 Inconfidencia Medalha 2019

O governador de Minas Gerais, Romeu Zema, entregou neste domingo (21/4), em Ouro Preto, a Medalha da Inconfidência a 126 pessoas e instituições que contribuíram para o desenvolvimento do Estado e do país. Em discurso, o governador fez uma homenagem aos “heróis mineiros do Corpo de Bombeiros Militar, da Defesa Civil, da Polícia Militar e da Polícia Civil que doaram suas vidas para salvar outras”, em referência à atuação das instituições em Brumadinho, após o rompimento da barragem no local. Ele também conclamou os Poderes para que seja feito um pacto em prol de Minas.

“Temos de olhar para frente, buscar novas práticas, agir diferente, ser eficiente. Não há outro caminho, só há uma direção, a da ação. Precisamos reconstruir esse Estado fazendo um pacto em prol dessa salvação com muito diálogo e união. Não adianta tentarmos outra receita, não adianta tentar um atalho, o caminho é longo e só há esta solução: união e ação”, afirmou o governador.

Romeu Zema destacou a importância de a sociedade atual se inspirar na trajetó/ria de Joaquim José da Silva Xavier, o Tiradentes, morto por defender o que era correto e por discordar dos desmandos da monarquia e que é homenageado nacionalmente nesta data.

“Nos dias atuais precisamos ter o cuidado para não esquecermos da história deste homem. É nossa responsabilidade defender os interesses da maioria e não os interesses particulares. Nos dias atuais, estão faltando mais Tiradentes, mais Joaquim, mais José, mais Xavier”, declarou. “Hoje é o dia em que Minas, mais do que nunca, deve ecoar para o Brasil sua força, o seu poder, a sua capacidade de fazer, refazer, corrigir e recomeçar. Clamo aos Poderes que estão aqui: Legislativo, Judiciário, Tribunal de Justiça, Ministério Público, Tribunal de Contas e Defensoria Pública, por um pacto para que coloquemos o cidadão mineiro no foco das ações”, completou.

A partir deste pacto, segundo o governador, Minas sairá da escravidão do transporte público de má qualidade, dos serviços de saúde deficitários e terá uma rede de ensino de excelência. “Clamo a todos os Poderes que façamos uma força-tarefa contra a corrupção, além de apoio para trazermos investimentos, empregos e renda para o nosso Estado, um pacto por nossa recuperação financeira. Um Estado sem dinheiro está condenado a ficar inoperante e em um buraco profundo”, finalizou Zema.

Citando a situação financeira do Estado, o governador explicou a intenção de realizar a solenidade de entrega da Medalha da Inconfidência de “forma austera”. “Minha súplica para que a solenidade fosse feita de maneira econômica não foi para defender meus interesses pessoais, e sim os interesses de todos os mineiros que sofrem por falta de serviços básicos que o Estado deveria oferecer e não está fazendo por conta da escassez de recursos”, concluiu.

Ao discursar na cerimônia, o vice-governador de Minas, Paulo Brant, enalteceu a importância da data para os mineiros, que simboliza a conquista da liberdade. “Tancredo Neves já dizia que o segundo nome de Minas é a liberdade. Meu irmão Fernando Brant dizia: ‘Minas Gerais nunca deixará de ser o altar de pessoas livres’”, ressaltou.

Brant também destacou que o amor ao progresso e a inovação também fazem parte da cultura dos mineiros e que o resgate “da boa política” é que vai contribuir para recuperar o Estado e colocá-lo no papel de protagonista. “A política da convergência, do bem comum, da boa-fé, do respeito à divergência, a política que não despreza e tem raiva de quem pensa diferente. Essa boa política é que vai reconstruir Minas Gerais, relançando o Estado ao lugar onde ele sempre esteve”, finalizou o vice-governador citando alguns dos nomes mais importantes do país no meio político, como o de Juscelino Kubitscheck.

Brumadinho

Neste ano, as homenagens foram concedidas especialmente às Forças de Segurança de Minas Gerais e de outros Estados que trabalharam e ainda atuam em Brumadinho, após o rompimento da barragem da Vale S.A., que causou uma das maiores tragédias humanas e ambientais do mundo.

A integração do trabalho realizado em Brumadinho, segundo os representantes das instituições, foi essencial para que as ações de busca e salvamento das vítimas fossem efetivas.

“É um momento importante de reconhecimento de toda a sociedade de um trabalho que os Bombeiros estão desempenhando com uma forma bastante efetiva, empenhando vigor físico e capacidade técnica, em um trabalho de busca que é referência em todo o Brasil, por toda uma integração bem-sucedida com os outros órgãos”, afirmou o comandante-geral do Corpo de Bombeiros, Coronel Edgard Estevo.

O chefe do Gabinete Militar do governador e coordenador estadual da Defesa Civil, coronel Evandro Borges, destacou a capacidade do Estado em atender a sociedade em eventos dessa natureza. “Essa comenda é um reconhecimento à equipe do Estado das forças de segurança que demonstraram o valor de uma equipe coesa, de uma equipe bem montada pelo governador Romeu Zema e dá mostras da significância que essas forças têm para a população do Estado”.

Já o sargento Acize Euzébio de Rezende, da 215ª Companhia da Polícia Militar, em Brumadinho, integrou a primeira guarnição a chegar ao local e ajudar no trabalho de salvamento. Natural da cidade, ele representou a instituição para receber a comenda. “Conheço muito a área rural de Brumadinho e pude ajudar na orientação das equipes para chegar até o local do desastre”, destacou.

O comandante-geral da PMMG, coronel Giovanne Gomes da Silva, reafirmou o papel da polícia em prestar os melhores serviços à população. “A Polícia Militar está pronta para atender a sociedade, seja em tempos de paz, seja diante de adversidades como foi Brumadinho, trabalhando de forma integrada, um ajudando o outro, sempre em prol da sociedade mineira”.

A Polícia Civil de Minas Gerais também foi homenageada. O delegado-geral, Wagner Pinto de Souza, ressaltou o trabalho da instituição. “Temos a preocupação primordial da investigação policial apontar a causa determinante do evento e o liame motivador e, consequentemente, definir os autores do fato criminoso”, disse.

Cerimônia

Criada em 1952 pelo governador Juscelino Kubitscheck, a Medalha da Inconfidência possui quatro designações. Além do Grande Colar, entregue ao presidente da República, Jair Bolsonaro, que não compareceu à cerimônia por outros compromissos previamente agendados, neste ano foram 30 agraciados com a Grande Medalha, 52 com a Medalha de Honra e 43 com a Medalha da Inconfidência.

De acordo com a Constituição do Estado, o governador decreta a transferência simbólica da capital de Minas Gerais para Ouro Preto. A cidade foi a capital mineira de 1823 até 1897. Como no ano passado, atendendo aos pedidos da população e para minimizar os impactos na rotina da comunidade local, como, por exemplo, o fechamento de vias importantes da cidade, o Governo de Minas realizou a solenidade em dois momentos distintos.

Na Praça Tiradentes, o governador passou pela ala dos dragões. Em seguida, colocou flores no monumento a Tiradentes e assistir a salva de 21 tiros. Na sequência, Romeu Zema entregou as medalhas no Centro de Artes e Convenções da Ufop.

O prefeito de Ouro Preto, Júlio Pimenta, agradeceu a “sensibilidade democrática de todos os membros do conselho da medalha por manter a cerimônia tão importante na cidade símbolo da pátria”. “E, com isso, nos conceder momentos como esse, de reflexão da importância da conquista da liberdade e, consequentemente, da democracia do nosso Estado e do nosso país”.

Também participaram da solenidade o embaixador da Alemanha no Brasil, Gerg Witschel, o presidente da Assembleia Legislativa de Minas, deputado Agostinho Patrus, o presidente do Tribunal de Justiça de Minas, desembargador Nelson Missias, o Defensor Público-geral, Gério Patrocínio, além de secretários de Estado, deputados, promotores, desembargadores, juízes, prefeitos, professores e representantes de diversos setores da sociedade.

 

Lista de agraciados:

Grande Colar

Jair Messias Bolsonaro, Presidente da República Federativa do Brasil

 

Grande Medalha

Wilson José Witzel, Governador do Estado do Rio de Janeiro

Tenente Brigadeiro do Ar Luis Roberto do Carmo, Comandante-Geral do Pessoal

General de Divisão Altair José Polsin, Comandante da 4ª Região Militar - Ex offício

Pedro Duarte Guimarães, Presidente da Caixa Econômica Federal

General de Brigada Alcio Alves Almeida e Costa, Comandante da 4ª Brigada de Infantaria Leve

Lavínia Rosa Rodrigues, Reitora da Universidade do Estado de Minas - Ex offício

Coronel EB José Moncerrate de Araujo Filho, Comandante da Base Administrativa do CMDO 4ª Região Militar

Coronel PM Giovanne Gomes da Silva, Comandante-Geral da PM - Ex ofício

Delegado-Geral Wagner Pinto de Souza, Chefe da Polícia Civil de MG - Ex offício

Coronel PM Evandro Geraldo Ferreira Borges, Chefe do Gabinete Militar do Governador e Coordenador Estadual de Defesa Civil de Minas Gerais

Adilson Lamounier, Desembargador - Promoção

Juliana Campos Horta de Andrade, Desembargadora - Promoção

Coronel PM Marcelo Fernandes, Subcomandante-Geral da Polícia Militar de MG

Coronel BM Erlon Dias do Nascimento Botelho, Chefe do Estado Maior do CBMG

Coronel BM Marcus José Tibúrcio Lima, Corregedor do CBMG

Delegada-Geral Irene Franco e Silva, Chefe de Gabinete da Polícia Civil - Promoção

Thiago Torres Costa Pereira, Vice-Reitor da UEMG

Manoel Hygino dos Santos, Acadêmico - Promoção

Defensoria Pública de Minas Gerais

Polícia Militar do Estado de Minas Gerais

Polícia Civil de Minas Gerais

Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais

Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Rio de Janeiro

Corpo de Bombeiros Militar do Estado de São Paulo

Corpo de Bombeiros Militar do Paraná

Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina

Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil

Defesa Civil do Estado de Minas Gerais

Convenção Batista Mineira

Heley de Abreu Silva Batista, Professora - In memoriam

 

Medalha de Honra

Antônio Pinheiro Neto, Deputado Federal

Charlles Thomacelli Evangelista, Deputado Federal

Euclydes Marcos Pettersen Neto, Deputado Federal

Geraldo Junio do Amaral, Deputado Federal

Greyce de Queiroz Elias, Deputada Federal

Igor Tarciano Timo, Deputado Federal

Luiz Gonzaga Ribeiro, Deputado Federal

José Vitor Resende Aguiar, Deputado Federal

Marcus Vinicius de Mello Takahashi, Comandante do Corpo de Alunos do CIAAR

Alberto Pinto Coelho Neto, Deputado Estadual

Bruno de Castro Engler Florêncio de Almeida, Deputado Estadual

Carlos Henrique Coelho de Campos, Deputado Estadual

Cleiton de Oliveira, Deputado Estadual

Heli Geraldo de Andrade, Deputado Estadual

Ione Maria Pinheiro, Deputada Estadual

José Guilherme Ferreira Filho, Deputado Estadual

Leandro Andrade Genaro Oliveira, Deputado Estadual - Promoção

Raul José de Belém, Deputado Estadual

Sandro Lúcio Fonseca, Deputado Estadual

Sheila Aparecida Pedrosa de Mello Oliveira, Deputada Estadual

Tito Bruno Miranda Torres Duarte, Deputado Estadual

Ana Paula Nannetti Caixeta, Desembargadora

Edson Feital Leite, Desembargador

José Américo Martins da Costa, Desembargador

José Augusto Lourenço dos Santos, Desembargador

Luiz Artur Rocha Hilário, Desembargador

Marcos Henrique Caldeira Brant, Desembargador - Promoção

Otávio de Abreu Portes, Desembargador

Ronaldo Claret de Moraes, Desembargador

Sérgio André da Fonseca Xavier, Desembargador

Elke Andrade Soares de Moura, Procuradora-Geral do Ministério Público de Contas do Estado de Minas Gerais

Maria Conceição de Assumpção Mello, Ouvidora do Ministério Público de MG

Macson josé Mendes de Almeida, Tenente Coronel EB

Francisco Evandio Barbosa de Castro Lima, Tenente Coronel da Aeronáutica

Jael Damaris Braga, Tenente Coronel Médica da Aeronáutica

Alessandra Maruyama Sinzato, Tenente Coronel da Aeronáutica

Delegado-Geral Joaquim Francisco Neto e Silva, Chefe Adjunto da PCMG

Coronel PM Márcio Flávio de Moura Linhares, Comandante da Academia da PMMG

Marcos Antônio Dias, Coronel PM

Arlen Bahia da Silva, Delegado-Geral de Polícia Civil

Isaías Confort Oliveira da Costa, Delegado-Geral de Polícia Civil

Tenente Coronel Karla Fernanda de Oliveira Morais, Subchefe do Gabinete Militar do Governador

Tenente Coronel Flávio Godinho Pereira, Tenente Coronel PM

Cesar Pereira Vanucci, Presidente da Academia Municipalista de Letras de Minas Gerais - Promoção

Claudia Andrea Mayorga Borges, Pró-Reitora de Extensão da UFMG

Michelle Gonçalves Rodrigues, Pró-Reitora de Ensino da UEMG

Fernando Antônio França Sette Pinheiro Júnior, Pró-Reitor de Planejamento Gestão e Finanças da Universidade do Estado de Minas Gerais

Magda Lúcia Chamon, Pró-Reitora de Pesquisa e Pós-Graduação da UEMG

Divino Urias Mendonça, Professor de Educação Superior - Promoção

Vilmar Domingos Fistarol, Presidente da CNH Industrial para América Latina

Henrique Morais de Almeida, Vice-Presidente Comercial na ArcelorMittal Brasil S/A

Márcio Gualberto de Faria, Subtenente BM - Promoção

 

Medalha da Inconfidência

Julvan Rezende Araújo Lacerda, Prefeito de Moema

Jair Francisco dos Santos, Juiz de Direito

Maria Amélia Bracks Duarte, Procuradora Regional do Trabalho

Maria Elisa Chaves Machado, Presidente da Academia Feminina Mineira de Letras

Emerson Crispim de Morais, Delegado de Polícia Civil Nível Especial

Giselle Ribeiro de Oliveira, Promotora de Justiça

Andressa de Oliveira Lanchotti, Promotora de Justiça

Rodrigo Alberto Azevedo Couto, Promotor de Justiça

João Medeiros Silva Neto, Promotor de Justiça

Fábio Santana Lopes, Promotor de Justiça

Adonias Fernandes Monteiro, Conselheiro Substituto do TCE-MG

Victor de Oliveira Meyer Nascimento, Conselheiro Substituto do TCE-MG

Marconi Augusto Fernandes de Castro Braga, Diretor-Geral do TCE-MG

Ivanildo Gomes dos Santos, Major PM

Herbert Aquino Marcelino, Capitão BM

Rogério Tadeu Fernandes Couto, Tenente EB

Luis Cosme Barbosa, Subtenente EB

Joaquim José de Freitas Miranda, Subtenente PM

Emerson José Damasceno, Sargento PM

Luiza Clemência Alves da Silva, Sargento PM

Mariana Lídia Rodrigues Teixeira, Sargento BM

Bruno Cesar de Oliveira, Sargento BM

Alexandre Antônio de Almeida, Inspetor-Geral da Polícia Civil

Kerley Tadeu da Silva Jeronimo, Cabo PM

André Luiz Freitas Dias, Professor da Universidade Federal de Minas Gerais

André Simões Villas Bôas, Secretário Municipal de Governo de Ouro Preto

Geraldo Rodrigues Rioga, Procurador-Geral do Município de Ouro Preto

Adilson Caldeira Veloso, Auxiliar Administrativo Universitário

Dardânia Glayce Barbosa, Técnico Universitário

Edinilsa Morais Ribeiro, Técnico Universitário

Edviges Maria Rabelo, Diretora de Infraestrutura da PUC Minas

Gilda de Castro Rodrigues, Antropóloga

Luciano Guimarães Pereira, Chefe de Gabinete da Prefeitura de Ouro Preto

Marcelo Miranda Guimarães, Diretor do Museu da História da Inquisição

Marcus Vinícius Polignano, Professor da Universidade Federal de Minas Gerais

Maria das Graças Gardoni Almeida, Professora da UFMG

Myrna Pimenta de Figueiredo, Professora da PUC Minas

Neuza Mercês Rezende, Diretora de Recursos Humanos do TJMG

Paulo Ramiz Lasmar, Advogado

Raimundo dos Santos Sobrinho, Professor de Educação Superior

Stanley Savoretti de Souza, Oficial de Cartório

Valdilene Gonçalves Machado Silva, Diretora da UEMG

Zélia Inês Portela Lobato, Diretora da Escola de Veterinária da UFMG


REDAÇÃO DO BARBACENAMAIS - Whatsapp (32)9 8862-1874 - Email: [email protected]







O Portal de Noticias BarbacenaMais não se responsabiliza pela opinião dos leitores expressas aqui através de seus perfis no Facebook.


Ads Banners