15
15/08/2018

Ecopedagogia em favor de uma nova ética de pensamento humano sobre o ambiente


 Ecopedagogia uma ciência que não se baseia no homem, mais sim na complexidade do meio ambiente.. Saiba mais...

002 Ecodpedagogia

BarbacenaMais-Jornal Expresso - Muitos cientistas afirmam que a sociedade do agora, excessivamente baseada no perfil consumista de compreensão da realidade e do ambiente, precisa mudar urgentemente o modo ético como se constrói e relaciona com o planeta, seus recursos naturais, os outros seres vivos e com si mesma.

Como reconfigurar os traços culturais que marcam o homo sapiens em sua atualidade? Será que uma cidadania voltada para a planetariedade e sustentabilidade é possível de ser desenvolvida?

As relações de cidadania e politização contemporâneas revelam que a transformação cultural da sociedade mundial não parte inicialmente do Estado, mas de pressões provenientes do âmbito popular, do cerne, inclusive, de comunidades e de cidadãos que em outros tempos jamais teriam possibilidade de produzir discursos e legitimá-los em nível social.

Assim, a partir do olhar sobre os perfis mutáveis e de ruptura de estruturas sociais percebidos nos últimos anos, é possível dizer que uma nova sociedade, construída sob nova ética e estética ambiental, é possível.

Entretanto, para isso é necessário a ruptura com a “educação bancária”, como diria Paulo Freire, com a educação tradicional, por meio de processos educativos que gerem autonomia e que não sejam meros reprodutores do poder hegemônico do Estado e da iniciativa privada.

Uma educação que seja ecopedagógica, ou seja, que gere indivíduos conscientes de suas realidades e de suas personalidades.

Que sejam empoderados para a associação entre a subjetividade e alteridade; entre os espaços particular e o coletivo. Uma educação que estimule e desenvolva saberes e racionalidades geradores de práticas políticas, não no sentido de representatividade no Estado, mas de participação e atuação cidadã na polis, nas cidades, nos meios urbanos, construindo possibilidades de mudanças culturais a partir da não alienação das próprias vidas.

Para que reais possibilidades de transformação do modo como a humanidade atua no planeta possam ser desenvolvidas, é preciso que o desenvolvimento humano seja estabelecido a partir do olhar para a natureza e suas dinâmicas. Reconhecer que cada pessoa é parte de um contexto ecossistêmico, cuja rede não se baseia no homem, mas sim na complexidade ambiental.

Uma educação que estimule esse olhar é um dos únicos caminhos capazes de revelar um futuro de fato sustentável.

27

Delton Mendes Francelino Diretor Internacional do Instituto Curupira (MG, SP e EUA) Coordenador Científico do Sophia: Núcleo de Pesquisa em Ecologia Holística; Pesquisador em ciências ambientais e eco culturais Palestrante e professor: Meio Ambiente/ Ecocultura/Permacultura/Ecoeducação

Contato cel/+whatsapp:(32) 9 8451 9914

   


 


REDAÇÃO DO BARBACENAMAIS - Whatsapp (32)9 8862-1874 - Email: redacao@barbacenamais.com.br







O Portal de Noticias BarbacenaMais não se responsabiliza pela opinião dos leitores expressas aqui através de seus perfis no Facebook.