14
14/12/2019

Publicidade

Beneficiários do BPC/Loas devem se inscrever no CadÚnico até dia 28 de dezembro

ara realizar o cadastro, os beneficiários deverão ir até o setor de Bolsa Família da Subsecretaria de Programas Sociais, que fica na Praça Conde de Prados, no centro da cidade, ou no CRAS (Nova Cidade ou São Pedro).  Saiba mais...

001 BCP

Em 2016, o Governo Federal publicou decreto determinando que idosos e deficientes do BPC precisam estar inscritos no CadÚnico para receber o benefício. Quem já fez a inscrição desde que o decreto foi publicado, não precisa fazer novamente.

Para realizar o cadastro, os beneficiários deverão ir até o setor de Bolsa Família da Subsecretaria de Programas Sociais, que fica na Praça Conde de Prados, no centro da cidade, ou no CRAS (Nova Cidade ou São Pedro). É obrigatório informar o número do CPF de todos os componentes da família. Segundo o Ministério, para facilitar o cadastramento, a recomendação é levar também um comprovante de residência, bem como documentos pessoais de cada morador da casa.

Desde abril de 2018, a Subsecretaria de Programas Sociais colocou uma equipe na rua para atualização de cadastro nas residências na área urbana e rural, em parceria com a Atenção Básica da Saúde, para alcançar o público-alvo.

O Beneficio de Prestação Continuada (BPC) garante um salário mínimo para idosos que não tem direito a aposentadoria por falta de contribuição; trabalhadores rurais que nunca contribuíram com o INSS e tem mais de 65 anos; e pessoas com deficiência incapacitante moderada ou grave com renda per capita familiar de até 1/4 do salário mínimo.

O CadÚnico é um sistema de informação do Ministério de Desenvolvimento Social e Agrário necessário para gerar o Número de Inscrição Social (NIS). É por meio do NIS que os usuários podem se inserir nos programas sociais oferecidos pelo Governo como, por exemplo, Bolsa Família, Minha Casa Minha Vida, Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos e o BPC.


REDAÇÃO DO BARBACENAMAIS - Whatsapp (32)9 8862-1874 - Email: redacao@barbacenamais.com.br







O Portal de Noticias BarbacenaMais não se responsabiliza pela opinião dos leitores expressas aqui através de seus perfis no Facebook.


Ads Banners